segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

Surpresa!


Você vende em versos seu mais novo espetáculo...

Não creio.

É nova arte, habilidade desconhecida

Mas seus olhos brilham

E desafiam minha incredulidade,

o cenário popular e pouco afeito a seu refinamento.

Sim, afirmo e asseguro minha presença diante do palco...

Não me fará mal lhe dar mais este voto de confiança...

... Afinal, seu delírio pode ser maior que o meu.


Foto by ^Diana^

2 comentários:

  1. ... Na poesia não és coadjuvante - está no palco - não ocupa apenas a plateia!...
    ... O final, sim, sim... foi uma surpresa!
    E gostei ;)

    Abraços afetuosos!

    ResponderExcluir
  2. Obrigada, Nadine!

    ... Suas palavras e sua visita sempre adicionam alegria e riqueza ao cenário!

    Abraços!!!

    ResponderExcluir